Mulheres vestem apenas fitas adesivas para criticar regras de nudez do Facebook

Por

Atualizado em 8/12/2016

Fotógrafa fotografou 30 mulheres seminuas para protestar contra as regras de nudez estabelecidas pela rede social

Trina Cary Fotógrafa fotografou 30 mulheres seminuas para protestar contra as regras de nudez estabelecidas pela rede social

Quase todo mundo já teve uma foto denunciada ou banida do Facebook. Para as mulheres, então, a censura é ainda mais habitual – principalmente se você resolver postar algo semelhante a um mamilo na timeline, detalhe que enfurece o mais puritano dos algoritmos da rede. A fotógrafa Trina Cary já tinha passado por esse “climão” algumas vezes, graças a algumas selfies mais ousadas, por assim dizer; a reação positiva ao nu artístico era muito mais importante e engrandecedora que qualquer denúncia ou bloqueio, garante ela.

Nessa última semana, porém, uma foto de Trina com as mãos sobre os seios nus incomodou, mais uma vez, a comunidade que cuida dos limites de nudez e exposição no Facebook.

“Eu amei essa foto. Senti que estava de corpo e alma nela, bela e forte. Estava tão feliz e animada com uma foto bonita que resolvi compartilhá-la com meus amigos e seguidores”, lembra ela. Em dez minutos, a foto foi denunciada; como se não bastasse, Trina foi banida da rede social por sete dias, devido ao “conteúdo inapropriado” postado na timeline.

A censura enfureceu a fotógrafa. Ela sabia que nenhuma lei ou regra havia sido violada com aquela foto em questão.

Em meio ao caos, Trina perdeu contato com clientes que pensaram que ela havia os bloqueado sem qualquer receio ou profissionalismo. Cansada de ver imagens violentas ou fotos de homens seminus na linha do tempo, a fotógrafa resolveu protestar contra a censura com mais nudez e 30 mulheres simplesmente maravilhosas. Magras, gordas, saradas, com dobrinhas, celulites… Não importa, elas apenas arrasaram nesse ensaio, vestindo apenas fitas adesivas de censura sobre as partes íntimas.

Apesar de ser um protesto, as fotos lembraram às mulheres a importância de amar os próprios corpos, com respeito e liberdade, sem qualquer vergonha. O resultado, como você pode imaginar, é mais do que incrível. Vem ver!

Sugerir correção

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários