‘Poderia ter jogado no Barcelona em 2001’ diz goleiro italiano Buffon

Aos 35 anos, veterano jogador da Juventus e da seleção italiana reconhece que esteve perto de vestir a camisa do clube espanhol

Fonte: Getty Images

No auge da sua forma e apresentando o mesmo otimismo e entusiasmo de um garoto, Gianluigi Buffon declarou que esteve muito próximo de jogar pelo Barcelona na temporada 2001.

VEJA+

Em entrevista ao SportMediaSet, o veterano confessou que tinha 23 anos quando atuava pelo Parma e quase acertou sua transferência para a equipe catalã. Porém, foi orientado pelo seu pai a permanecer em território italiano.

“A proposta do Barcelona veio enquanto negociava com a Juventus. Considerei a possibilidade, mas meu pai me aconselhou a ficar na Itália e jogar pela Juve. Naquela época, o Barcelona também não era o mesmo clube que é hoje. Novamente agradeço a Juve que tem me proporcionado muito orgulho e satisfação ao longo de todos esses anos.”

Como a negociação com Buffon não se concretizou, os espanhóis optaram por contratar o argentino Bonano, que também não fez muito sucesso com a camisa grená. Nesta temporada, 2001-2002, ainda faziam parte do elenco os então jovens e iniciantes goleiros Pepe Reina e Victor Valdés. Não foi uma temporada de sucesso para os catalães, terminando o Campeonato Espanhol na quarta posição, sendo eliminado na primeira rodada da Copa do Rei e caindo nas semifinais da Liga dos Campeões.

Um dos maiores ídolos da história da Juventus, Buffon iniciou sua décima terceira temporada atuando pela ' Velha Senhora’. Já são 436 jogos com a camisa da Juventus, e com a camisa da Azurra são 133 atuações. Voltar a conquistar o título italiano e da Liga dos Campeões pela Juve são os principais objetivos para a temporada.

Você também pode gostar de:

Comentários: