Ex-A Fazenda que teve infecção no cérebro melhora, mas ainda corre risco de vida

Por

Atualizado em 12/04/2017

 

Renata Banhara

Reprodução Renata Banhara

Leia mais

A modelo Renata Banhara está internada na UTI do Hospital Albert Einstein com uma infecção no cérebro. Ela foi submetida a duas cirurgias na segunda-feira (10) e segue em recuperação, mas ainda correndo risco de vida.

De acordo com a assessoria de imprensa da artista, “ela está na unidade semi intensiva, se recuperando, mas com muita dor porque os antibióticos ainda estão começando a fazer efeito. Ela está consciente e sente muita pressão na cabeça, na face, disse que parece uma contínua dor de dente misturada a sensação de uma forte sinusite. Ela acaba ficando muito tensa e a pressão dela está subindo muito por causa disso, ela está muito angustiada”, disse a assessora.

A ex-participante de A Fazenda está internada desde quinta-feira (5), após sofrer complicações decorrentes de uma infecção no dente, que foi contaminado por uma bactéria e acabou indo para o cérebro. “Fiz canal há seis anos, e esse dente meu fechou, tudo lindo, maravilhoso, sem problema. Esse dente fez um polo de infecção. Só que ele não deu febre, ela não deu pouso, ele não infeccionou. Ele fez uma infecção sigilosa”, disse Renata em um relato enviado ao jornalista Thiago Rocha, pouco antes da sedação.

Vamos fazer uma corrente de orações pra nossa amiga @rebanhara Tudo vai dar certo! Estamos com você! #RenataBanhara

Uma publicação compartilhada por Thiago Rocha (@thiagorochabr) em

5 alimentos que deveríamos parar de consumir

1 de 5
Compartilhe Twitter Google +

Refrigerante

Além dos corantes, acidulantes e uma série de outras substâncias que a gente tem dificuldades para pronunciar o nome, o refrigerante é uma “bomba” de açúcar. Para se ter ideia, 200ml da bebida, um copinho, tem em torno de 6 a 7 colher de chá de açúcar.

Créditos: plasterbrain / Reprodução / Visual Hunt

Salsicha

Segundo um artigo divulgado pela ‘British Medical Journal’, uma das mais influentes e conceituadas publicações sobre medicina no mundo, a cada salsicha ingerida a pessoa perde 15 minutos de vida. O texto esclarece que o consumo excessivo deste embutido aumenta o risco de desenvolvimento de câncer, principalmente o colorretal.

Créditos: TheBusyBrain via Visualhunt.com

Gelatina de caixinha

A vilã com cara de boazinha. Muita gente acredita que a gelatina é útil para fortalecer pele, unhas e cabelos, graças ao colágeno presente em sua fórmula. Porém, a versão que encontramos nos supermercados, na verdade, possui muito açúcar, corantes, e uma infinidade de substâncias químicas.

Créditos: stevendepolo via Visualhunt.com

Molhos industrializados

Então, você consome salada e acha que está sendo saudável. Nem sempre é o caso. Muitos dos molhos industrializados que são vendidos como ligth, com ervas e leves são vilãos ocultos na alimentação. Muitos destes molhos são ricos em gordura, açúcar, acidulantes e o glutamato monossódico.

Créditos:

Margarina

A margarina surgiu como uma alternativa à manteiga, que era tida como vilã há alguns anos. O produto é produzido com óleos vegetais em um processo de hidrogenação para manter aquela consistência sólida. Em resumo, o hidrogênio faz com que o óleo vegetal fique “firme” e cremoso. Segundo a Priscila Di Ciero, gordura vegetal hidrogenada é sinônimo de gordura trans. “Ela aumenta o colesterol ruim, diminui o bom. Prejudica toda parede das artérias. Aumenta o risco de desenvolver endometriose...”, afirma.

Créditos: Didgeman / Reprodução / Visual Hunt

Sugerir correção

Recomendados para você

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários