Jurassic World verde-amarelo: Conheça 12 dinossauros que viveram no Brasil

Ana Freitas

Por

Atualizado em 30/06/2015

Leia mais

Dinossauros brasileiros? Pois é: temos tantas espécies que daria para fazer um Jurassic World 100% brasileiro. Nossos dinos não devem nada pros lagartos gigantes considerados os queridinhos da cultura pop, como o T-Rex e o Velociraptor. Pelo projeto Dinos do Brasil, que pretende lançar uma simulação (que parece incrível) de mundo com dinos para Oculus Rift, descobrimos que o Brasil estava cheio de dinossauros e fizemos uma galeria com algumas dessas espécies.

Imagens: Rodolfo Nogueira, do Dinos do Brasil (ilustrações), Ademar Pereira, do Dinos Brasil (escultura) e Dinosaur Pictures. (http://www.dinosdobrasil.com.br). As ilustrações desse site são do Rodolfo Nogueira.

Olha só a galeria:

Dinossauros brasileiros

1 de 12
Compartilhe Twitter Google +

Myrischia asymmetrica

É o único dino descoberto na América do Sul que faz parte de um dos modelos mais antigos de dinossauros com penas. O fóssil foi encontrado em Araripina, Pernambuco.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Staurikosaurus pricei

Carnívoro, foi a primeira espécie reconhecida no Brasil, a partir de um fóssil encontrado em Santa Maria (RS). Bípede, vivia em planícies próximas a rios.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Santanaraptor placidus

Encontrado em Santana do Cariri, Ceará, em 1991, esse dino carnívoro viveu no período cretáceo (há 110 milhões de anos) e pode ser considerado o velociraptor brasileiro.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Unaysaurus tolentinoi

O Unaisauro é um dino herbívoro, bípede, com 2,5 metros de comprimento e 70 a 80 centímetros de altura. O fóssil foi encontrado em São Martinho da Serra, no RS.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Pycnonemosaurus nevesi

Com 9 metros de comprimento e 3 a 4 metros de altura, esse dino foi encontrado no Matro Grosso, era carnívoro e, acredita-se, caçava em bandos.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Angaturama limai

É o primeiro dino com prolongações espinhais nas vértebras das costas descoberto no brasil. Carnívoro, ficava entre os 5 e 6 metros de comprimento e 2 de altura. O nome Angaturama vem do tupi e significa "espírito nobre".

Créditos: Rodolfo Nogueira

Irritator challengeri

Com 8 metros de comprimento e 3 de altura, o Irritator era parecido com o Angaturama limai e vivia na mesma área, a Chapada do Araripe, no Ceará.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Brasilotitan nemophagus

Os restos fósseis desse dino foram encontrados perto de Presidente Prudente, em SP. Ele é herbívoro, tinha entre 9 e 10 metros de comprimento e cerca de 2 a 3 metros de altura. É o mais recente dino brasileiro descoberto.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Saturnalia tupiniquim

Um dos mais antigos dinossauros já encontrados, o Saturnalia era bípede, tinha cerca de 40cm de comprimento e foi descoberto no Rio Grande do Sul.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Pampadromaeus barberenai

Com 50 centímetros de altura e 1,20 metro de comprimento, esse dino, que foi descoberto no RS (daí o nome, Pampa + dromaeus, do grego "corredor").

Créditos: Rodolfo Nogueira

Amazonsaurus maranhensis

Herbívoro, quadrúpede, o Amazonsauro foi encontrado no Maranhão e tinha 10 metros de comprimento. Ele pesava pouco e era capaz de boiar em ambientes alagados

Créditos: Rodolfo Nogueira

Adamantisaurus mezzalirai

Supõe-se que era um animal muito grande, com pescoço e cauda longa. Foi descoberto em SP, na área geográfica conhecida como Formação Adamantina.

Créditos: Rodolfo Nogueira

Sugerir correção

Recomendados para você

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários