Coreia do Norte coloca Yorkshire Terriers em zoológico

Redação

Por

Atualizado em 2/03/2014

Um zoológico na Coreia do Norte já recebeu a sua mais nova atração animal – uma porção de Yorkshire Terriers. Os cães em miniatura foram introduzidos no zoológico Central da capital Pyongyang, segundo a mídia estatal.

A agência Central de Notícias da Coreia (KCNA) disse ao site Orange que os cães estão agora aprendendo “várias proezas”, embora não entrou em detalhes sobre o tipo de truques que estes animais poderiam realizar.

Os norte-coreanos não estão familiarizados com essa raça, criada para apanhar ratos e camundongos em torno de fábricas de vestuário na Inglaterra, e, assim, receberam um manual prático para lidar com o animal de estimação. “Todos têm pelos compridos, coloração castanha na cabeça e pernas e um tom de cinza azulado em seu corpo”, informou a KCNA.

“Eles têm em média 22 a 24 centímetros de altura e pesam cerca de 3 kg. Os cachorrinhos vivem aproximadamente 14 anos.”

Uma imagem liberada pela KCNA mostra três Yorkshire Terriers aparentemente em boas condições. No entanto, o Zoo Central enfrenta uma situação muito precária. A pior situação seria a dos grandes felinos, quase todos presentes de líderes comunistas, mantidos em instalações lamentavelmente inadequadas, de acordo com protetores de animais.

Sugerir correção

Recomendados para você

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários