Mike Shinoda adianta detalhes do novo álbum do Linkin Park e aponta novos rumos na sonoridade do grupo

Fonte: divulgacao

Mike Shinoda, do Linkin Park, deu uma entrevista á revista Spin adiantando alguns detalhes do novo álbum do grupo, que será produzido pelo lendário Rick Rubin (que já trabalhou com a banda em Minutes to Midnight, de 2007).

De acordo com o músico, o novo álbum irá redefinir o som da banda. "A intenção é redefinir o grupo com esse trabalho. Sinto que em Hybrid Theory (2000), nós queríamos apresentar nosso som e a banda ao mundo. Em 2003, com Meteora, a intenção era mostrar que o Linkin Park não ia morrer na praia, e que éramos capazes de fazer uma segunda vez o som que nos alçou ao sucesso. Quando chegamos a Minutes to Midnight (2007), nosso desejo já era quebrar esse som e ir além dos paradigmas que criamos para nós mesmos. Agora é a hora, então, de fazer tudo que quisermos", explicou Shinoda.

Segundo Shinoda, metade das músicas já estão prontas, embora seja difícil definir o resultado antes do período de finalização. "Não consigo ainda explicitar a personalidade das novas canções. A questão é que hoje em dia existem diversas maneiras de se fazer músicas, com a adição de instrumentos digitais e softwares - e é claro que dá vontade de usar um pouco de tudo. Em Minutes to Midnight, foi exatamente isso que fizemos, utilizando todos os instrumentos possíveis e imagináveis. Mas nesse novo álbum, queremos focar apenas nas coisas que realmente precisamos e gostamos - o que, até o momento, significa que as músicas são orientadas pelas batidas, além do som do teclado e da bateria eletrônica", completou o músico.

Comentários: