Integrantes da banda baiana New Hit são presos acusados de estupro

Fonte: Divulgação/Facebook

Dez membros da banda baiana de pagode New Hit foram detidos em flagrante na madrugada de domingo (26), após uma apresentação na cidade de Ruy Barbosa, distante 308 km de Salvador.


Eles são acusados de abusar sexualmente de duas adolescentes. Segundo informações do jornal Correio24Horas, as jovens de 16 anos contaram em depoimento a Polícia Militar (PM) que depois do show foram ao ônibus da banda pedir autógrafos e acabaram violentadas no veículo. 

Os integrantes do grupo foram detidos para prestar depoimento e alegaram que 'a relação com as jovens foi consensual', disse Marcelo Cavalcante, titular da delegacia da cidade em entrevista ao jornal. 

As vítimas foram submetidas a exame de corpo de delito no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana e os músicos, acompanhados por um advogado, permanecem na carceragem da delegacia à disposição da Justiça.

POLÊMICAS E DANÇA EXPLÍCITA

Essa não é a primeira vez que membros do grupo New Hit se envolve em um escândalo. Durante uma entrevista ao programa Se Liga no Pida, o músico Eduardo Martins afirmou que sua banda é diferente das outras no mesmo estilo que fazem sucesso em Salvador. 

“Somos os popstars do pagode. E a gente veio diferente, somos bonitinho, de boa aparência, todo mudno branquinho...”, disse. As afirmações do cantor, que se diz o Justin Bieber do pagode, foram consideradas por muitos como racista. 

Eduardo também foi notícia em 2011, após um vídeo de uma dança excessivamente insinuante ter causado polêmica entre os foliões baianos. As imagens mostram uma coreografia em que o cantor e os dançarinos da banda simulam sexo oral com as fãs.

<iframe width="636" height="358" src="http://www.youtube.com/embed/-22WiBq6qNc" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>

Você também pode gostar de:

Comentários:

Álbuns em destaque

TOP 3+ LIDAS

Últimas Notícias