Em livro, Frances Cobain responsabiliza Courtney Love pela morte de seus animais de estimação

Mesmo quando achamos que já ouvimos os maiores absurdos sobre Courtney Love, mais uma historia bizarra vem à tona. Em um novo livro intitulado Courtney Comes Clean, que narra as diversas fases da reabilitação da cantora, um depoimento de sua filha Frances Bean Cobain está causando muita polêmica.

A única filha do famoso casal Courtney Love e Kurt Cobain, acusa a mãe de ser responsável pela morte de seus animais de estimação: um gato e um cachorro. Segundo Frances, sua mãe matou os animais em 2009, quando ela pediu uma ordem de restrição para morar em outro lugar e manter Love afastada de sua vida.

Em um depoimento, Frances revelou que seu gato morreu após ficar dias preso dentro de uma caixa de papelão cheia de lixo que sua mãe guardava no apartamento em que viviam. Já o cachorro morreu após ingerir os remédios de tarja preta que Love consome constantemente.  


Na época, Cobain disse estar muito preocupada com o fato de Courtney sempre dormir com um cigarro aceso e ter medo de que ela pudesse incendiar acidentalmente sua casa. “Ela basicamente vive dos remédios que toma o tempo todo, açúcar e cigarros. Ela raramente come alguma coisa”, relatou também em 2009.

Maer Roshan, o autor do livro, também ouviu declarações fortes da própria Courtney. “Fumar crack tem seus benefícios. Não sou nada boa em matemática, mas quando eu fumava crack conseguia fazer contas muito, muito, muito bem”, disse a vocalista do Hole sem nenhum constrangimento.

“Não sou mais uma drogada, atualmente eu só tomo drogas legais prescritas por meus médicos”, disse. “Estou limpa e isso é fabuloso. Posso ter milhões de defeitos, mas não sou uma pessoa ruim, tenho um bom coração”, finalizou.

Você também pode gostar de:

Comentários: