Ao vivo, Bonner elogia Maju por estreia no ‘Jornal Hoje': “causando e arrasando”

Por

Atualizado em 13/06/2017

Bonner elogiou Maju no 'Jornal Nacional'

TV Globo/Reprodução Bonner elogiou Maju no ‘Jornal Nacional’

Leia mais

Marília Julia Coutinho estreou no último sábado (10) na bancada do Jornal Hoje, sua primeira aparição como âncora de um noticiário em 10 anos de Globo. A jornalista agora faz parte do rodízio de apresentadores do jornalístico nacional que substituem os titulares Evaristo Costa e Sandra Annenberg.

Ao mesmo tempo, ela segue como moça do tempo do Jornal Nacional, função que voltou a cumprir nesta segunda-feira (12).

A jornalista estreou sábado (10) na bancada do 'Jornal Hoje'

TV Globo/Reprodução A jornalista estreou sábado (10) na bancada do ‘Jornal Hoje’

A estreia de Maju no Jornal Hoje bombou nas redes sociais, com uma série de elogios ao novo posto e atuação da jornalista. O tema não passou despercebido por William Bonner, que parabenizou a colega durante sua participação no JN. “Renata Vasconcellos teve um contratempo, não pôde estar conosco, mas a Ana Paula, que nos acompanha aqui, me autoriza a cumprimentá-la pela sua estreia como substituta dos colegas Sandra Annenberg e Evaristo Costa na bancada do Jornal Hoje. Aconteceu no último sábado, sucesso. Maju causando, arrasando nas redes sociais! Parabéns!”, disse ele.

Sem graça, Maria Júlia sorriu e disse que “para a estreia, foi bom. Tem coisa ainda para ajustar mas a gente vai praticando”, ouvindo de volta um “é… modesta” de Bonner.

11 mulheres negras que já foram vítimas de racismo

1 de 12
Compartilhe Twitter Google +

Taís Araújo, Sheron Menezes, Rihanna, Ludmilla e outras outras artistas negras vítimas de ataques raciais

Taís Araújo, Sheron Menezes, Rihanna, Ludmilla e outras outras artistas negras vítimas de ataques raciais.

Créditos: Reprodução / Instagram

Preta Gil

Preta Gil mostrou em seu Facebook diversos ataques racistas que sofreu numa postagem publicada nesta segunda-feira (25). A cantora foi chamada de macaca, além de sofrer com vários xingamentos machistas.

Créditos: Reprodução/Instagram

Taís Araújo

Em outubro de 2015, seguidores entraram no Facebook da atriz e a atacaram com dizeres como "cabelo de esfregão" e "gorila de zoológico". Após os ataques, a hashtag #SomosTodosTaisAraujo bombou nos TTs mundiais.

Créditos: Reprodução / Instagram

Maria Júlia Coutinho

Na página do Jornal Nacional no Facebook, internautas ofenderam a raça da apresentadora e um deles se referiu à Maju como escrava: "Onde compro essa escrava? Na época, o caso gerou revolta nas redes sociais e William Bonner e Renata Vasconcellos saíram em defesa da jornalista.

Créditos: Reprodução / Instagram

Sheron Menezes

Nas redes sociais, a atriz foi atacada com comentários como "negona" e "escrava" e disse que tomaria providências contra os agressores.

Créditos: Reprodução / Instagram

Ludmilla

No Instagram, a cantora foi xingada de "macaca lixo" e respondeu que o seguidor deveria ser preso.

Créditos: Reprodução / Instagram

Cris Vianna

A atriz postou uma foto no Facebook e recebeu comentários do tipo "preta cabelo de bombril" e "ratazana africana".

Créditos: Reprodução / Instagram

Rihanna

Em 2011, uma editora de uma revista holandesa se referiu à Rihanna como "vadia negra" e pediu demissão após a repercussão do caso.

Créditos: Reprodução / Instagram

Amandla Stenberg

Pelo Twitter, a atriz que interpretou Rue em ‘Jogos Vorazes’ teve que ouvir que "estragou o filme por ser preta".

Créditos: Reprodução / Instagram

Oprah Winfrey

A apresentadora contou em uma entrevista que foi impedida de comprar uma bolsa de grife em uma loja de Zurique, na Suiça, porque a vendedora não a reconheceu e disse que ela não teria dinheiro para pagar pelo produto.

Créditos: Reprodução / Instagram

Halle Berry

A atriz revelou ao jornal Daily Mail que já foi chamada de "nigger" (termo pejorativo usado para pessoas negras) em Hollywood.

Créditos: Reprodução / Instagram

Mariah Carey

Durante a divulgação do filme 'O Mordomo da Casa Branca', no qual a cantora interpretou uma personagem que sofria preconceito, Mariah revelou que na infância tomou uma cuspida no rosto apenas pelo fato de ser negra.

Créditos: Reprodução / Instagram

Sugerir correção

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários