Após tragédia com Chapecoense, filme sobre pouso no Rio Hudson tem estreia adiada

João Vieira

Por

Atualizado em 29/11/2016

Tom Hanks protagoniza o filme 'Sully'

Divulgação Tom Hanks protagoniza o filme ‘Sully’

Leia mais

Ao menos três redes de cinema já retiraram da programação que se inicia nesta quinta-feira (1º) o filme Sully: O Herói do Rio Hudson, de Clint Eastwood e protagonizado por Tom Hanks. Cinemark, Kinoplex e Cinépolis informaram que a Warner decidiu adiar a estreia do longa após a tragédia envolvendo o avião que levava a delegação da Chapecoense até Medellín, na Colômbia, para a disputa da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, na madrugada desta terça-feira (29). Estima-se que ao menos 71 pessoas tenham morrido, entre jogadores, comissão técnica, profissionais de imprensa e convidados.

Sully fala sobre a história real do piloto Chesley Sullenberger (Tom Hanks), que conduziu um pouso de emergência no Rio Hudson, em 2009. Na ocasião, nenhum passageiro morreu. O longa estreou em 9 de setembro nos Estados Unidos e já arrecadou US$ 124 milhões (cerca de R$ 421 mi).

Tragédia atingiu equipe da Chapecoense

Divulgação Tragédia atingiu equipe da Chapecoense

A tragédia envolvendo a equipe da Chape comoveu o mundo. Diversos veículos, clubes e instituições pelo mundo prestaram suas homenagens. O jogo entre Liverpool e Leeds, realizado nesta terça-feira (29) na Inglaterra, teve 1 minuto de silêncio em homenagem aos mortos e familiares. Pelo número de vítimas estimado, a tragédia deve se confirmar como o maior acidente aéreo da história do esporte.

Mundo do futebol chora tragédia com Chapecoense

1 de 19
Compartilhe Twitter Google +

Chapecoense lamentou tragédia no Twitter

Créditos: Twitter/Reprodução

Clubes brasileiros homenageiam Chapecoense

Créditos: Twitter/Reprodução

Atletico de Madrid

Créditos: Twitter/Reprodução

Atletico Nacional

Créditos: Twitter/Reprodução

Arsenal

Créditos: Twitter/Reprodução

Barcelona

Créditos: Twitter/Reprodução

Bayern de Munique

Créditos: Twitter/Reprodução

Benfica

Créditos: Twitter/Reprodução

Borussia Dortmund

Créditos: Twitter/Reprodução

Chelsea

Créditos: Twitter/Reprodução

Torcida do F.C. Copenhagen

Créditos: Twitter/Reprodução

Liverpool fez 1 minuto de silêncio em jogo

Créditos: Twitter/Reprodução

Manchester City

Créditos: Twitter/Reprodução

Juventus

Créditos: Twitter/Reprodução

Leicester

Créditos: Twitter/Reprodução

Manchester United

Créditos: Twitter/Reprodução

Real Madrid

Créditos: Twitter/Reprodução

Sevilla

Créditos: Twitter/Reprodução

Wembley

A federação inglesa coloriu o estádio com as cores da Chape

Créditos: Twitter/Reprodução

Sugerir correção

Recomendados para você

Relacionados ao assunto

Carregar mais

Comentários